• Veja também as capas anteriores!

  • Políticas do Ambidestria

    O Ambidestria todo está sob licença Creative Commons. Em caso de citação, não se esqueça de mencionar o nome do autor do post e o link direto para o post em questão. Não são permitidas alterações do texto.

    Veja mais detalhes na página de Políticas
  • Arquivo

  • Arquivo Especiais

    Especial FLIP 2008
    Com Carolina Lara e Jacqueline Lafloufa
  • Acesso para autores

o que VOCÊ faz de bom?

Alguns fazem poemas. Ou contos. Ou histórias incríveis. Outros produzem ensaios interessantíssimos.

Tem aqueles amigos que fazem resenhas absolutamente empolgantes, que fazem a galera sair correndo pra biblioteca ou livraria mais próxima pra ler também. Ou aqueles que não fazem nem uma coisa nem outra, mas que quando escrevem sobre algo que lhes interessa, desde literatura vietnamita até auto-ajuda, são imbatíveis.

Créditos: Gettyimages

Créditos: Gettyimages

A gente passa uma vida inteira com talentos obscurecidos pela timidez, ou escondidos por falta de pra quem e por que mostrar. Sem acreditar no próprio taco e sem ter alguém pra comentar e incentivar, centenas de talentos vão ficando pelo caminho, soterrados pela rotina, pelos trabalhos que se sobrepõem aos hobbies, pela vida vai arrastando a gente, sem dar tempo de pensar demais.

Nessa onda toda, o Ambidestria tem a arrogante pretensão de não deixar tanta gente se esconder atrás de blogs obscuros, papel rascunho na gaveta, contra-capa de caderno e verso de prova. Se você sabe fazer algo, ou melhor, se você conhece alguém que é bom em alguma coisa, indique-o para o Ambidestria!

Aqui a gente quer mostrar que a universidade toma muito da sua vida, mas que a criatividade de cada um sempre arranja um tempinho pra funcionar. Queremos juntar tudo de bom que se produz na faculdade e que não tem viés acadêmico (essas coisas você pode mandar pra Revista Alegoria! 🙂 ) num lugar aberto, onde todo mundo pode ajudar você a melhorar e crescer cada vez mais.

Pra quem morre de vergonha, pseudônimo não é prática nova, mas sempre funciona. Pra quem não vê porque, corra o risco. A gente nunca sabe em qual esquina da vida está a sorte. O importante é não ter medo de caminhar.

Ambidestria: nós temos a pretensiosa intenção de mostrar o que se faz de bom.

Anúncios
%d blogueiros gostam disto: