• Veja também as capas anteriores!

  • Políticas do Ambidestria

    O Ambidestria todo está sob licença Creative Commons. Em caso de citação, não se esqueça de mencionar o nome do autor do post e o link direto para o post em questão. Não são permitidas alterações do texto.

    Veja mais detalhes na página de Políticas
  • Arquivo

  • Arquivo Especiais

    Especial FLIP 2008
    Com Carolina Lara e Jacqueline Lafloufa
  • Acesso para autores

O, então, purê de batatas.

…sozinha, resta ela na mesa de sua casa na hora do jantar. Quando uma estridente e rápida campainha soa. Ela, visivelmente abatida, levanta-se de sua cadeira e caminha até o microondas; lá de dentro tira uma tigela de vidro com BATATAS assadas… Começa então a amassá-las. No começo com calma, mas então gradativamente com força, com muita força, com muita raiva. Quando de súbito ela para em um estado de choque com lágrimas escorrendo pela face. Por um instante, apática. Sabia agora que seu problema havia acabado, então, pela primeira vez na história, ela sorri. Um sorriso doentio, psicótico. Ela, ainda com o coração a mil por hora, senta-se. E, em uma sarcástica gargalhada, dá a primeira garfada, levando à boca aquele, agora, então, purê de batatas.
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: