• Veja também as capas anteriores!

  • Políticas do Ambidestria

    O Ambidestria todo está sob licença Creative Commons. Em caso de citação, não se esqueça de mencionar o nome do autor do post e o link direto para o post em questão. Não são permitidas alterações do texto.

    Veja mais detalhes na página de Políticas
  • Arquivo

  • Arquivo Especiais

    Especial FLIP 2008
    Com Carolina Lara e Jacqueline Lafloufa
  • Acesso para autores

O homem que não amava mais a Lua

As contínuas cheias e baixas da Lua podem fazer cansado o jovem coração. A Ela pertencem o vazio, a tristeza, as carcaças e o sonho. A mim pertenceu o jovem coração, que saiu hoje pela porta quando eu me despedi dela, “não posso mais me encher de prata por você.” Eu disse enquanto estava deitado na cama, em posição fetal.

Mas muitos foram os anos em que eu pertenci só a ela. Agora ele me diz que eu tenho os pés no chão. Ali foi onde eu experimentei o desespero e a solidão. O sentimento de uma cama e de metal na boca.

Num daqueles dias eu escrevi 35 poesias sobre morte e vazio, e não gostei de nenhuma delas, mas, num ato que surpreendia a mim mesmo, continuei escrevendo. Foi ali, naquele sofá, que ela me deixou. Encolhido no sofá verde, finalmente me sentindo seguro e livre do barulho que corria lá fora.

Foi ali também que eu decidi ir por outro caminho. Caminho esse que não conheço, porque ainda não terminei. É entre frestas, vãos e névoas desse caminho que eu continuo andando, olhando, com metal nas mãos.

Agora vem com tuas mãos prateadas. Mais uma vez escapei à tua morte. Para dessa vez descobrir que sou mortal. Para poder viver mais. Não sei mais nada do que deixo para trás. Sei o que me deixou. Ela com o seu cordão prateado me machucou com a sua lança. Eu cortei os cabelos para não crescerem mais. E me banhei em água vermelha.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: