• Veja também as capas anteriores!

  • Políticas do Ambidestria

    O Ambidestria todo está sob licença Creative Commons. Em caso de citação, não se esqueça de mencionar o nome do autor do post e o link direto para o post em questão. Não são permitidas alterações do texto.

    Veja mais detalhes na página de Políticas
  • Arquivo

  • Arquivo Especiais

    Especial FLIP 2008
    Com Carolina Lara e Jacqueline Lafloufa
  • Acesso para autores

A morte do Rei do Pop adoeceu a Web

Li alguns dados vindos do blog De Repente feitos pela Nielsen e li algumas notícias de portais como IDG Now! sobre a pane que o Twitter e o Google tiveram com a morte de Michael Jackson, o Rei do Pop.

Incrível o movimento de mensagens e troca de informações que a morte dele gerou, causando até panes nos sistemas da Web, mas é de se preocupar. Parece-me que a Web não suporta todo conteúdo que todos os internautas do mundo podem gerar. O sistema Web torce para que não haja um movimento de todos porque simplesmente tudo pára.

Mas mesmo que não fosse todos, mas me parece que se 50% + 1 de todos os internautas do mundo resolverem postar nos seus Twitters, fazer uma busca no Google, acessar seus emails ou simplesmente entrar no site da CNN para ler notícias, a Web trava. E atualmente, se a Web trava, seu celular trava, as redes de comunicação travam, o mundo trava.

É perigoso isso. 1 – a Web criou uma bolha que já estourou de seu controle faz tempo e tudo que é descontrolado é também caótico. 2 – Caos é imprevisível e inseguro. 3 – Inseguro significa terra de ninguém.

Não é de espantar, para qualquer internauta, que um hacker invadiu tal site e quebrou sua estrutura ou roubou informações. A Web deixou de conseguir controle de capacidade faz tempo. E isso caminha para duas coisas: ou um dia não vai aguentar mais e virará um caos que deixará a Web disfuncional (como o trânsito de São Paulo) e surgirá um novo modelo de Web, para substituir a que conhecemos; ou a atual Web se desdobrará e conseguirá dar conta das novas demandas.

Pelo visto, é mais provável que seja a primeira opção, pois vemos que a comunicação no século XX foi pautada por grandes inovações e mudanças e nunca por aprimoramentos de antigos meios. Assim sendo, penso: o que será a nova Web (se é que se pode chamar de Web)?

E em homenagem ao ídolo Michael Jackson, posto um vídeo de um apunhado de Moonwalkers do Youtube. MJ, seu legado é imensurável. Obrigado.

Anúncios

4 Respostas

  1. Coisa de louco isso né? Vivemos um cenário pré apocalíptico? Existe a possibilidade de um grande crack na internet? De quem é o maior interesse para que isso não aconteça?

    Talvez em 2012 todas essas perguntas sejam respondidas, talvez não, rs.

    Bom post!

  2. cenário apocalíptico eu acho que não. Eu acho que simplesmente passamos já disso. Sabemos já que a Web não suporta a capacidade do mundo todo. O apocalipse só está esperando uma boa oportunidade para destruir a rede.

    O maior interesse em proteger a atual Web são as grandes companhias como Google, Yahoo e Microsoft. Mas acho que é de interesse de todos que a Web não se autodestrua. Até mesmo políticos querem a proteção a Web.

    Assim sendo, creio que uma nova Web surgirá, em pouco tempo, talvez em 2012 como você mencionou. A mudança será parecida com a inserção de banda larga no lugar da conexão discada. Existem as duas, mas a primeira é a mais utilizada e recomendada.

  3. nossa, que viagem! oq vc sabe sobre internet? internet perdeu controle? desde quando ela tinha algum? e desde quando os servidores da internet travam celulares, redes de comunicação, o mundo? são coisas completamente diferentes e independentes. e já existe uma alternativa a isso tudo, se chama cloud-computing, e outra, o caos sempre será bem-vindo sim, pelamordedeus, alguem precisa ser dono da internet pra vc se sentir seguro??? vai morar na coréia do norte, na china, lá a internet deve ser modelo pra vc

  4. Você interpretou errado o texto.

    Não é questão de alguém ou algo manter o controle. A questão é a capacidade de troca de dados. E isso não precisa de algum órgão regulamentar. Precisa de capacidade em hardware mesmo. Redes digitais possuem um limite natural de capacidade.

    E não são os servidores da internet que travam as redes de comunicação. O problema é que as próprias redes dependem da internet para funcionarem. É convergência de informações. Tira a internet e vc vai ver o que será das redes de hoje.

    E cloud computing só é usado para redes de informações internas de grandes corporações. Demorará para ser aplicada em toda Web. Se nem no Brasil pouquissimas empresas a utilizam, imagina para aplicar em toda rede. E quando for aplicada, a Web já estará entupida de informações.

    E caos é bem vindo sim. Mas o caos de informações, não o caos da rede. Quero ver se os sites começarem a travar (como vimos até mesmo no buscador Google), quando vc não conseguir acessar seus emails, não logar seu MSN, você vai desejar esse tipo de caos. É disso que estou falando.

    Chega até a ser uma ofensa me ligar ao modelo autoritário da China e Coréia do Norte. Meus amigos de curso sabem do que eu penso.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: