• Veja também as capas anteriores!

  • Políticas do Ambidestria

    O Ambidestria todo está sob licença Creative Commons. Em caso de citação, não se esqueça de mencionar o nome do autor do post e o link direto para o post em questão. Não são permitidas alterações do texto.

    Veja mais detalhes na página de Políticas
  • Arquivo

  • Arquivo Especiais

    Especial FLIP 2008
    Com Carolina Lara e Jacqueline Lafloufa
  • Acesso para autores

Post Inaugural

 
I. Não sei como introduzir algo que é contínuo, sem muita coesão nem necessidade de sentido. Os trechos que tento escrever são tão fragmentários quanto o meu pensamento. Há horas em que não sinto mais a necessidade de criar uma personagem. Nas outras, nem sei se crio – escrevo como se fosse um relato do que se passou comigo, só que em terceira pessoa. O mais reles modelo de escrita de quem está apenas tentando, começando. Estou vivendo o módulo inverso do tempo, retornando ao caos: a inconseqüência ensina ao experiente, a cada dia menos palavras constituem meu – já de todo pobre – vocabulário.

II. Vazio completo em meio a esse som irritante. Som insuportável de vida pulsando, inerente, desimpedida. Ouço vozes e não me esforço para reconhecê-las. Meus sentidos se aguçam, no mais inevitável instinto, e luto para reprimi-los. Sei que não há objetivo no reconhecimento. Afinal, sempre que reconheci algo, decepcionei-me. Nunca foi diferente e talvez nunca será.
Esta é a minha meta: absorver o início das coisas. Estou cansada de meios-dias, de segundos beijos e cigarros acabando. A música que se declina em sua metade, o enredo revelado, as peripécias desfeitas. O meio do caminho. A pedra. Maldita pedra… Não quero encontrá-la nunca mais. Quero ficar na primeira página do livro, eternamente, bebendo cada palavra, até a última gota. E ao fim, rasgar os capítulos seguintes, pois se há algo que aprendi, é que eles não servem para absolutamente nada.
Não passar do começo é meu desejo e também minha sina.

Anúncios

4 Respostas

  1. Uma das coisas mais intensas que já li sua.
    Congrats

  2. Abra seu blog para comentários, aquele eu precisa saber que não está sozinho…

  3. já está aberto, obrigada pela sugestão.

  4. Bem-vinda!

    Parece promissor

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: